Assinatura RSS

A dose extra de letras

Publicado em

Após alguns acontecimentos recentes, achei que ficaria alguns meses sem escrever nada.

Tenho andado meio distraída, meio alheia, meio triste. Ao mesmo tempo que tento andar pra frente com a minha vida, algumas coisas me deixam parada, olhando pro céu em cima de mim e pensando em tudo que ainda falta resolver, em tudo que deixei de fazer, de falar, de pensar.

Não é fácil encontrar inspiração pra escrever quando se está assim, como estou agora.

Mas sei lá, hoje me deu vontade.

O que posso considerar um avanço, por que essa vontade não vinha há um tempinho…

Enfim, sem mais delongas, vou falar da arvorezinha que eu comprei pra minha casa. É uma árvore da felicidade, e o nome dela é Felícia. Acho que depois que posicionei ela no móvel, virada pra janela, minha vida ficou mais tranquila. Me sinto mais segura, sei lá..

Na verdade, acho que não tô querendo falar mais nada não…

Me desculpe, me enganei.

Anúncios

Estrelas que caem

Publicado em

Ontem à noite eu vi uma estrela cadente.

Achei tão lindo que liguei pra minha mãe e mandei mensagens pras minhas amigas. Ninguém ligou muito, eu sou uma garotinha mesmo.

Entrei na internet pra saber se eu tinha ficado doida ou se tava imaginando coisa e descobri que não, eu sou uma garotinha sortuda mesmo. Tinha acabado de presenciar um fenômeno de chuva de meteoros.

E o mais incrível era: o fenômeno ia acontecer por toda a noite.

Claro que eu não fiquei a noite toda olhando pro céu, pra ver se tinha estrela caindo dele. Mas dei um sorrisinho, sozinha, pra mim mesma.

Fiz um pedido, claro. Nunca vi estrela caindo na vida, até parece que eu ia desperdiçar esse momento.

Como respeitar as pessoas

Publicado em

Não posso e nem vou dizer que sou exemplo de respeito às opiniões dos outros. O motivo disso é que eu sou excessivamente teimosa e estressada (esse último defeito que eu estou melhorando com o yoga). Isso me faz meio cabeça dura quando tenho que discutir com alguém que não concorda comigo. Entretanto, algumas coisas têm feito com que eu conseguisse me adaptar melhor à vontade e opinião alheia, quando elas são contrárias às minhas. Leia o resto deste post

7 boas lembranças que ficarão da Copa do Brasil

Publicado em

Por fim, acabou a Copa. Metade de nós ainda está tentando absorver essa idéia e a outra metade nem quer pensar nisso. Um clima de carnaval se instalou no ar, feriados sem fim no meio da semana e o Rio de Janeiro nunca viu tanta gente bonita nas ruas. Basicamente, passamos por bons momentos, até os peixes mais fora dessas águas tem que admitir que foi incrível. Do jeitinho do brasileiro mesmo, não teve muito luxo, mas a gente se divertiu muito (e os gringos também!).

Leia o resto deste post

Podolski é tão brasileiro que…

Publicado em

Eis que estamos prestes a disputar (e perder) o terceiro lugar da Copa com a Holanda, depois da humilhação que foi a partida contra a Alemanha. Tudo bem, estamos superando. Inclusive, como bons brasileiros que somos, estamos nos juntando aos alemãs numa última tentativa de vencer alguma coisa, afinal eles vão jogar contra nossos maiores rivais no futebol. Leia o resto deste post

Nem sobre mim eu sei de tudo

Publicado em
Do dia 3 de Julho de 2014
Você sabe que sente aquela dorzinha de barriga quando a pessoa que você gosta tá chegando perto. Você sabe do que eu to falando. Você sabe também que sente o suor frio escorrendo na nuca quando você quebrou alguma coisa e a pessoa que não podia saber tá perto e ainda não viu. Quando você tá esperando pra entrar numa entrevista de emprego e alguém que trabalha na empresa fica entrando e saindo da sala. Toda vez que isso acontece você acha que ele vai te chamar pra começar.

Leia o resto deste post

Talvez ela seja tudo que um homem não quer (?)

Publicado em

Do dia 26 de Junho de 2014

Esses dias me mandaram um texto sobre a mulher independente, pela segunda vez em menos de uma semana. O primeiro texto achei bem válido, de Ruth Manus, chamado de ‘A incrível geração de mulheres que foi criada pra ser tudo que um homem NÃO quer‘. Circulando pelo Facebook alheio, falava sobre as jovens mulheres da atualidade, que cresceram num mundo onde o machismo é feio. Leia o resto deste post